'

Notícia

polémica

O excêntrico filho da assassina Maria das Dores regressa a Portugal: "Sobre a minha mãe não falo. Ponto!"

David Motta diz que viaja muito por causa do trabalho. Esteve na ModaLisboa.
16 de outubro de 2018 às 09:50
David Motta diverte-se na ModaLisboa mas recusa falar da mãe, Maria das Dores, presa por ter mandado matar o marido
David Motta
David Motta
David Motta
David Motta
David Motta
David Motta
David Motta
David Motta
David Motta
David Motta
David Motta
David Motta

David Motta é conhecido por duas coisas: por ser excêntrico e por ser filho de Maria das Dores, a 'socialite' que mandou matar o marido, o empresário Paulo da Cruz, quando este se preparava para pedir o divórcio, cansado de muitos anos de excessos quer de Maria das Dores quer de David Motta, o seu enteado. Tudo aconteceu em 2007.

Maria das Dores foi condenada a pena de 23 anos de prisão e recentemente teve uma saída precária e quem estava à sua espera à porta da prisão de Tires era David Motta, que nunca virou as costas à mãe, apesar dela ter sido a mandante da morte do pai do seu irmão mais novo.

A carregar o vídeo ...

Agora, 9 anos após condenação de Maria das Dores, David Motta volta à vida social, marcando presença na ModaLisboa.

O produtor esteve a assistir ao desfile de Filipe Faisca com alguns amigos, nomeadamente José Castelo Branco, que o ajudou a tornar-se conhecido. Bem-disposto, quis explicar que este regresso era "para já definitivo", garantindo contudo que o seu trabalho na moda o obriga a "viajar muito. Agora estou cá porque fiz o styling de uma criadora nova. Estou ligado à moda", garante, sem dar mais pormenores.

Saiba quem é David Motta, o filho de Maria das Dores
David Motta
O jovem é produtor de moda
David Motta
David Motta
David Motta
David Motta
David Motta
David Motta
David Motta em 2009
David Motta durante o julgamento da mãe em 2007
David Motta
David Motta
David Motta
David Motta
David Motta
David Motta
David Motta
David Motta
David Motta
David Motta
David Motta
David Motta
David Motta
David Motta

Poucas palavras também para falar da mãe, encarcerada quase há 10 anos. "Não falo nada sobre isso", afirmou, incomodado.

Nem quis revelar se com esta viagem até Portugal aproveitou para visitar a progenitora na prisão. "Não digo mais nada. Não vou falar sobre isso. Estou na ModaLisboa a trabalhar e para já estou em Portugal. Mas nada é definitivo", rematou.

Mais Lidas

+ Lidas

Instagram

Instagram

Newsletter

Newsletter

Subscreva a newsletter e receba diariamente todas as noticias de forma confortável
Subscrever