Notícia

Polémica

Resposta emotiva e divórcio a caminho. Kim Kardashian já está a falar com os advogados sobre separação de Kanye West

O rapper Kanye West parece ter ido longe demais com os insultos públicos à mulher. Kim Kardashian está em choque e quebrou o silêncio após ter sido atacada pelo músico.
22 de julho de 2020 às 16:00
Farta de tentar ajudar o marido, Kim Kardashian já fala com advogados sobre divórcio
Kim Kardashian e Kanye West
Kim Kardashian e Kanye West
Kim Kardashian e Kanye West
Kim Kardashian e Kanye West
Kim Kardashian e Kanye West
Kim Kardashian e Kanye West
Kim Kardashian e Kanye West
Kim Kardashian e Kanye West
Kim Kardashian e Kanye West
Kim Kardashian e Kanye West
Kim Kardashian e Kanye West
Kim Kardashian e Kanye West
Kim Kardashian e Kanye West
Kim Kardashian e Kanye West
Kim Kardashian e Kanye West
Kim Kardashian e Kanye West
Kim Kardashian e Kanye West
Kim Kardashian e Kanye West
Kim Kardashian e Kanye West
Kim Kardashian e Kanye West
Kim Kardashian e Kanye West
Kim Kardashian e Kanye West
Kim Kardashian e Kanye West
Kim Kardashian e Kanye West
Kim Kardashian e Kanye West
Kim Kardashian e Kanye West
Kim Kardashian e Kanye West
Kim Kardashian e Kanye West
Kim Kardashian e Kanye West
Kim Kardashian e Kanye West
Kim Kardashian e Kanye West
Kim Kardashian e Kanye West
Kim Kardashian e Kanye West
Kim Kardashian e Kanye West
O divórcio de Kim Kardashian e Kanye West parece inevitável depois das declarações polémicas do rapper sobre a família nos últimos dias. O site da 'US Weekly' revelou esta quarta-feira, 22, que a empresária já está a falar com os advogados sobre a separação. 

"Kim está a encontrar-se com os advogados para explorar e falar sobre o divórcio", contou uma fonte próxima. Apesar de esta não ser a primeira vez que o casal passa por uma crise, Kim sempre "quis fazer com que resultasse". A estrela da Instagram não terá avançado antes com a separação "por causa dos filhos". 

Kanye tem feito correr muita tinta na imprensa depois do seu discurso de lançamento da candidatura à Presidência dos Estados Unidos, em que revelou que apelou para que Kim abortasse a primeira filha do casal, North, de 7 anos. "Ela teve os comprimidos nas mãos... Eu quase matei a minha filha", disse no domingo, 19, a chorar. 

No dia seguinte, Kanye usou a sua conta oficial de Twitter para revelar que Kim terá tentado interná-lo à revelia. "Porque eu chorei a salvar a vida minha filha", escreveu. "Se eu for preso como Mandela, todos saberão porquê". Além disso, Kanye contou que estaria a tentar divorciar-se "há dois anos", desde que a mulher encontrou-se com o rapper Meek Mill num hotel para falar da reforma do sistema prisional nos EUA.



Kanye ainda atacou a sogra, Kris Jenner, e o namorado da empresária, Corey Gamble, afirmando que eles "não têm permissão" para estar com os seus quatro filhos. O rapper acabou por apagar os tweets. 

Kim Kardashian já reagiu publicamente

Depois de silenciar as suas redes sociais por três dias, a sua maior fonte de rendimentos pela publicidade, Kim Kardashian reagiu esta quarta-feira, 22, nas InstaStories com um comunicado emotivo sobre o problema de saúde do marido, mas sem negar nem confirmar a separação. 

"Como muitos de vocês sabem, Kanye tem um transtorno bipolar. Qualquer um que passe por isto ou ame alguém que passa por isto, sabe como pode ser incrivelmente complicado e doloroso para compreender", escreveu.

...
A resposta de Kim Kardashian

"Nunca falei publicamente sobre como isto afeta-nos em casa porque sou muito protetora em relação aos nossos filhos e ao direito à privacidade de Kanye no que diz respeito à sua saúde", acrescentou. 

...
A resposta de Kim Kardashian

Kim continua a nota elogiando o marido. "Ele é uma pessoa brilhante mas complicada, que, a juntar-se à pressão de ser um artista e um homem negro, vive a dor de ter perdido a mãe, e tem de lidar com a pressão do isolamento que cresce com a bipolaridade. Aqueles que são próximos de Kanye sabem que as suas palavras às vezes não se alinham com as suas intenções". 

...
A resposta de Kim Kardashian

A empresária termina o comunicado apelando por um pouco de "compaixão e empatia necessárias" para que eles passem por isto.  

Kim e Kanye casaram-se em 2014, 11 meses depois do nascimento de North. São ainda pais de Saint, de 4 anos, Chicago, 2, e Psalm, de 14 meses.

A carregar o vídeo ...

Comentários

Comentários
este é o seu espaço para poder comentar as nossas notícias!
Luna Santos Há 4 semanas

Quer encontrar uma garota por uma noite? Bem-vindo - http://3sex.club

Anónimo 22.07.2020

Um terror de um negro que nao para de ladrar. Lixo com o negro e Katia Aveiro.

Mais Lidas

+ Lidas

Instagram

Instagram

Newsletter

Newsletter

Subscreva a newsletter e receba diáriamente todas as noticias de forma confortável

;