Notícia

Polémica

Guerra de milhões! Teresa Guilherme senta Ricardo Salgado no banco dos réus

Depois de ter perdido um processo contra o ex-banqueiro e o extinto BES, Teresa recorreu e volta a tribunal. Apresentadora reclama devolução de 2,3 milhões de euros.
06 de setembro de 2019 às 10:50
Teresa Guilherme diz como é ficar sem mais de dois milhões de euros: "Um pontapé"
Teresa Guilherme
Teresa Guilherme
Teresa Guilherme
Teresa Guilherme
Teresa Guilherme
Teresa Guilherme
Teresa Guilherme
Teresa Guilherme
Teresa Guilherme
Teresa Guilherme
Teresa Guilherme
Teresa Guilherme
Teresa Guilherme
Teresa Guilherme
Teresa Guilherme
Teresa Guilherme
Teresa Guilherme
Teresa Guilherme
Teresa Guilherme
Teresa Guilherme
Teresa Guilherme
Teresa Guilherme
Teresa Guilherme
Teresa Guilherme
Teresa Guilherme
Teresa Guilherme
Teresa Guilherme
Teresa Guilherme
Teresa Guilherme
Teresa Guilherme
Teresa Guilherme
Teresa Guilherme
Teresa Guilherme
Teresa Guilherme
Teresa Guilherme
Teresa Guilherme
Teresa Guilherme
Teresa Guilherme
Teresa Guilherme
Teresa Guilherme
Teresa Guilherme
Teresa Guilherme
Teresa Guilherme
Teresa Guilherme
Teresa Guilherme
Teresa Guilherme
Teresa Guilherme
Teresa Guilherme
Teresa Guilherme
Teresa Guilherme
Teresa Guilherme
Teresa Guilherme
Teresa Guilherme
Teresa Guilherme

Teresa Guilherme, 64 anos de idade, prepara-se para descarregar bateria pesada no regresso ao Campus da Justiça de Lisboa, na próxima quarta-feira, dia 11, pelas 10h00, num processo cível contra Ricardo Salgado – o antigo banqueiro a quem chamavam "O Dono Disto Tudo" – e a quem herdou o extinto BES.

A apresentadora foi uma das muitas pessoas lesadas pelo antigo banco. Teresa perdeu, com a queda do BES, em 2014, 2,35 milhões de euros, quase todas as suas poupanças, que tinham sido aplicadas em produtos obrigacionistas do falido banco, papel comercial que, de um dia para o outro, deixou de ter qualquer valor. "Fiz o que tinha de fazer. Quero que se faça justiça", justificou Teresa Guilherme sobre o processo em tribunal.

Questionada sobre se conseguia viver sem os milhões perdidos, Teresa, conformada, respondeu assim: "Se consigo viver sem o dinheiro [2,35 milhões de euros]? Claro que sim. Tenho de andar com a minha vida para a frente."

As fotos exclusivas de Teresa Guilherme em tribunal
teresa guilherme
Pedro Alves foi empregado de Teresa Guilherme durante 11 anos
Pedro Alves foi empregado de Teresa Guilherme durante 11 anos
teresa guilherme
teresa guilherme
teresa guilherme
teresa guilherme
teresa guilherme
teresa guilherme
teresa guilherme
Teresa Guilherme, Tribunal, Processo, escravidão
Teresa Guilherme, Tribunal, Processo, escravidão
Teresa Guilherme, Tribunal, Processo, escravidão
Teresa Guilherme, Tribunal, Processo, escravidão
teresa guilherme
teresa guilherme
teresa guilherme
teresa guilherme
teresa guilherme
teresa guilherme
teresa guilherme
teresa guilherme
teresa guilherme
teresa guilherme
Teresa Guilherme, Tribunal, Processo, escravidão
Teresa Guilherme, Tribunal, Processo, escravidão
Teresa Guilherme, Tribunal, Processo, escravidão
Teresa Guilherme, Tribunal, Processo, escravidão

Anda para a frente, mas não esquece. Em Abril de 2015, Teresa Guilherme respondeu assim a José Alberto Carvalho, da TVI, quando o jornalista lhe perguntou quem era a pessoa que mais odiava: "Neste momento podia dizer Ricardo Salgado. Porque uma pessoa que desconsidera os outros, acho que é uma não pessoa. É uma pessoa que usa o poder de uma forma cega e não quer saber dos outros."  

Comentários

Comentários
este é o seu espaço para poder comentar as nossas notícias!

Mais Lidas

+ Lidas

Instagram

Instagram

Newsletter

Newsletter

Subscreva a newsletter e receba diáriamente todas as noticias de forma confortável