'

Notícia

Drama

Dá vontade de chorar! Sem espetáculos, Sónia Tavares obrigada a tirar a mãe de um lar

A pandemia está a afetar a vida económica da investigadora de 'A Máscara', que já teve de tirar a progenitora da instituição onde estava a ser cuidada. "Estou a perdê-la. Já a perdi", diz.
30 de janeiro de 2021 às 11:31
As mudanças de imagem de Sónia Tavares
Sónia Tavares
Sónia Tavares
Sónia Tavares
Sónia Tavares
Sónia Tavares
Sónia Tavares
Sónia Tavares
Sónia Tavares
Sónia Tavares
Sónia Tavares
Sónia Tavares
Sónia Tavares
Sónia Tavares
Sónia Tavares
Sónia Tavares
Sónia Tavares
Sónia Tavares
Sónia Tavares
Sónia Tavares
Sónia Tavares
Sónia Tavares
Sónia Tavares
Sónia Tavares
Sónia Tavares
Sónia Tavares
Sónia Tavares
Sónia Tavares
Sónia Tavares
Sónia Tavares
Sónia Tavares
Sónia Tavares
Sónia Tavares
Sónia Tavares
Sónia Tavares
Sónia Tavares
Sónia Tavares
Sónia Tavares
Sónia Tavares
Sónia Tavares
Sónia Tavares
Sónia Tavares
Sónia Tavares
A pandemia tem sido um verdadeiro drama para quem vive da música. Sem espetáculos à vista, os cantores e artistas são das classes que mais têm sofrido no último ano e Sónia Tavares, de 43 anos de idade, não é excepção. 

Na casa da investigadora de 'A Máscara', as duas pessoas que sustentam a família vivem da música: tanto Sónia como o marido, Fernando Ribeiro, vocalista dos Moonspell. Apesar de ver a vida de forma positiva e esperançosa, a vocalista dos The Gift revelou numa grande entrevista à 'TV Guia' que esta fase sem dinheiro já a obrigou a fazer várias mudanças na sua vida

Uma delas foi retirar a mãe do lar onde estava. "Tive de mudar a minha mãe de instituição. A minha mãe é muito velhinha e não pude continuar a pagar os privilégios que ela tinha, onde estava, e tive de a mudar para outra. As coisas são muito complicadas, mas temos de tentar continuar a trabalhar, sorrir e levantarmo-nos todos os dias com esperança. É isso que nos faz andar para a frente", desvendou à mesma revista. 

Sónia Tavares sofre com a demência da mãe, que já nem a reconhece quando a visita. "Aquela pessoa não é a minha mãe, é outra pessoa. Como é que a minha mãe não se lembra de mim? Ensinou-me a maquilhar, aquelas coisas de miúda… e, agora, não se lembra de mim. É complicado. Estou a perdê-la. Já a perdi. Sempre que a visito, saio destroçada. Já não está neste mundo", desabafou em 'Conta-me', com Manuel Luís Goucha.
 
A investigadora de 'A Máscara' revela como tenta, juntamente com o marido, ultrapassar esta crise financeira, numa casa onde se vive do espetáculo. "É uma dupla preocupação. Felizmente, eu e o Fernando temos algumas coisas que, paralelamente, vamos podendo fazer. Algumas colaborações que nos vão ajudando a manter o ânimo e a perceber que as coisas abrandaram, mas não pararam. As pessoas estão desejosas de ver os músicos. Fiz colaborações, fiz 'A Máscara'. O Fernando tem uma editora de livros e de discos... Vamos tentando. Obviamente que tivemos de nos readaptar."

Vai gostar de

você vai gostar de...

Mais Lidas

+ Lidas

Newsletter

Newsletter

Subscreva a newsletter e receba diariamente todas as noticias de forma confortável
Subscrever