'

Notícia

THE MAG - The weekly magazine by Flash!

Já ouviu falar do 'Dry January'? Novo desafio sugere um mês sem uma pinga de álcool no sangue! Os benefícios são inúmeros...

Um novo desafio propõe um detox das festas com um mês álcool free. Cético? Pense bem: vai dormir melhor, perder algum peso e a sua pele irá ficar mais luminosa.
18 de janeiro de 2023 às 22:32
...
mulheres saída bebrr álcool noite Foto: istock getty images
No início do ano, ouvimos falar de toda uma espécie de desafios que as resoluções de ano novo nos impõem. Deixar de fumar, dietas, cortar com o açúcar durante duas semanas são tudo mudanças no estilo de vida aspiradas por grande parte das pessoas.

No entanto, há um desafio que este ano entrou definitivamente na moda e que se chama Dry January. É isso mesmo, percebeu bem. Traduzido para português é qualquer coisa como 'Janeiro seco' ou às secas, neste caso, e que promete deixá-lo sem uma pinga de álcool no organismo, depois dos excessos das festas de fim de ano.



A ideia é desintoxicar o corpo durante 31 dias consecutivos e desfrutar dos benefícios que um mês álcool free traz para a saúde. Mas e quais são eles?

O QUE MUDA AO FIM DE UM MÊS?

Ficaria surpreendido se soubesse que um mês sem consumir bebidas alcoólicas é coisa para deixar o seu organismo regenerado. Até porque, de acordo com estudos realizados no Reino Unido, basta uma noite de excessos para que o contrário também aconteça, com um aumento de risco de doenças cardiovasculares.

Mas foquemo-nos no lado positivo do Dry January. No Reino Unido, o país pioneiro da iniciativa, diversos estudos já foram realizados. Pretendem saber, essencialmente, como se sentem os envolvidos ao fim de um mês. E a verdade é que 70 por cento sente uma melhoria geral na saúde, sendo que está na ordem dos 80 por cento os que notam diferença também na carteira.

Em relação à saúde, eis o que muitos relatam após a abstinência ao álcool: dormem melhor, a pele está mais bonita, o cabelo mais saudável, sentem-se mais concentrados e há também uma dimunuição significativa da sensação de inchaço no estômago e de problemas como refluxo gástrico.

E se isto é aquilo que as pessoas que se submeteram livremente ao Dry January sentem na pele, os médicos vão mais longe e afirmam que com apenas um mês sem álcool é possível baixar a tensão arterial e também dar início a uma perda de peso, melhor funcionamento do cérebro com a memória a entrar nos eixos.

Como em todos os desafios, compromisso é fundamental, pelo que no site ou conta de Instagram criados para incentivar ao movimento, sugere-se que escolha um grupo de pessoas, do trabalho, família ou círculo de amigos para dar início a um mês longe de cerveja, vodka e vinho.



Mas atenção: cuidado quando voltar. É que os especialistas também alertam que, se não conseguir ou quiser manter-se na abstinência, deve voltar às noites de folia com moderação para não deitar tudo a perder.

Saber mais sobre

Vai gostar de

você vai gostar de...