'
Paulo Abreu
Paulo Abreu O tal canal

Notícia

Tão mal que isto vai...

Esperava mais de MasterChef Celebridades, na TVI, ainda por cima sendo uma estreia, e os Globos de Ouro voltaram a defraudar-me. E, sim, Bárbara Guimarães teria feito melhor do que João Manzarra, apesar de considerar que a sua hora na TV tenha chegado ao fim com o polémico divórcio com Manuel Maria Carrilho.
27 de maio de 2017 às 08:00

1. MasterChef Celebridades estreou no sábado, 29, e perdeu para a novela Amor Maior, da SIC, sem conseguir chegar ao milhão de espectadores – 999 200, mais concretamente. Apenas com um episódio transmitido, mas com um forte investimento da TVI no concurso de Leonor Poeiras (gosto dela), é cedo para fazer funerais, embora, para já, estes números não deixem antever um futuro risonho. "Esperamos conquistar bons resultados com a aposta neste programa, tendo em conta o historial das anteriores edições, que tiveram grande acolhimento do público. Além disso, o mundo das celebridades atrai sempre muitas pessoas", dizia Bruno Santos, director-geral da estação de Queluz de Baixo, antes do arranque. Vamos ver. Certo, certo é que uma novela, seja ela Ouro Verde ou A Impostora, prende mais gente ao pequeno ecrã.

Por isso, para mim, se MasterChef Celebridades, com Sílvia Rizzo, César Peixoto e companhia, não ganhar um sábado à concorrência directa, esta é mais uma derrota para a TVI, tal como foram Casa dos Segredos, Love on Top e Let’s Dance. Por muitas voltas que Bruno Santos tente dar depois, mesmo que nunca tenha dito que um bom resultado é ser primeiro, as audiências são como o algodão... 

2. A gala dos Globos de Ouro, uma imagem de marca da SIC, foi o quarto programa mais visto do dia, no domingo, 21, prendendo só 954 500 espectadores. É natural. Com tanto investimento e tanta gente a pensar o certame, custa aceitar a funesta cenografia, o alinhamento sem imaginação, a ausência de rasgo na selecção musical e um humor medíocre e confrangedor.

E, sim, Bárbara Guimarães, que acabou  por ser a estrela do Coliseu, muito por culpa do discurso de Rodrigo Guedes de Carvalho, faria melhor do que João Manzarra, um péssimo apresentador, apesar de eu ter escrito, logo após o início do seu polémico divórcio com Manuel Maria Carrilho, que a sua história na TV tinha acabado. Mas vem aí um novo programa, em Junho, sobre decoração, e ela está aí para provar que não são só os gatos que têm sete vidas.

* O autor desta crónica escreve de acordo com a antiga ortografia

Mais notícias de O Tal Canal

O pior e o melhor dos Globos de Ouro

O pior e o melhor dos Globos de Ouro

Cadeiras vazias com o avançar da noite, novela ‘Quer o Destino’ e os seus protagonistas ignorados pela SIC, os elogios fáceis a Daniel Oliveira e a esperança de Gouveia e Melo.
Do medo de Daniel Oliveira à falta de democracia na RTP

Do medo de Daniel Oliveira à falta de democracia na RTP

O diretor de Programas da SIC não arriscou quando a TVI de Cristina Ferreira andava nas lonas, e agora – parece – a estratégia passa por jogar ainda mais à defesa. Na estação pública, paga por todos os portugueses, foi inaceitável ver aquele naipe de analistas na noite das Autárquicas.
Teresa Guilherme novamente traída

Teresa Guilherme novamente traída

Cristina Ferreira disse que a TVI tinha memória. Não sei se a perdeu. Sei que a Rainha dos Reality Shows deixou o ‘Big Brother’. Hoje, aos 66 anos de idade, a apresentadora já não diz bem o que pensa, à espera de uma nova oportunidade.
Sopa requentada e o pipi da Cristina Ferreira

Sopa requentada e o pipi da Cristina Ferreira

Com a RTP a caminhar para a sua irrelevância, as duas estações privadas vão anunciando o seu armamento para a ‘rentrée’… para agarrarem espectadores e anunciantes. Mas essas novidades, espremidas, são mais do mesmo. Uma tristeza!
TVI já ganha na ficção

TVI já ganha na ficção

A estação de Queluz de Baixo vence nas novelas, mas continua a perder o dia, por grande diferença, para a SIC. O que falta, então? Falta acertar no entretenimento, por exemplo. Cristina Ferreira, a diretora que tem carta-branca para fazer o que bem entende, não acerta uma.

Mais Lidas

+ Lidas