'

Notícia

THE MAG - The weekly magazine by Flash!

Melania diz ‘Basta’ e tira todas as esperanças a Donald Trump

A antiga modelo de origem eslovena respirou de alívio quando Joe Biden bateu o marido nas urnas. Via-se, enfim, livre da Casa Branca, de Washington e das suas funções de primeira-dama de um dos países mais poderosos do mundo. A viver em “liberdade” desde o passado mês de janeiro, Melania opõe-se agora à vontade de Donald de se voltar a recandidatar.
Ana Cristina Esteveira
Ana Cristina Esteveira
09 de setembro de 2021 às 23:27
A evolução do casamento de 14 anos de Melania e Donald Trump em imagens
Melania, Donald Trump
Melania, Donald Trump
Melania, Donald Trump
Melania, Donald Trump
Melania, Donald Trump
Melania, Donald Trump
Melania, Donald Trump
Melania, Donald Trump
Melania, Donald Trump
Melania, Donald Trump
Melania, Donald Trump
Melania, Donald Trump
Melania, Donald Trump
Melania, Donald Trump
Melania, Donald Trump
Melania, Donald Trump
Melania, Donald Trump
Melania, Donald Trump
Melania, Donald Trump
Melania, Donald Trump
Melania, Donald Trump
Melania, Donald Trump
Melania, Donald Trump
Melania, Donald Trump
Melania, Donald Trump
Melania, Donald Trump
Melania, Donald Trump
Melania, Donald Trump
Melania, Donald Trump
Melania, Donald Trump

As fotografias de Melania Trump, vestida de preto total, como se estivesse de luto, a fazer a sua despedida da Casa Branca circularam o mundo no passado mês de janeiro. Enquanto Donald Trump, deixava no ar a ideia de que iria regressar, a ex-primeira-dama há várias semanas que preparava a mudança para a Flórida, completamente indiferente à vontade do marido em permanecer em Washington. 

De acordo com a 'CNN', citada pela 'Vanity Fair', Melania "supervisionou durante semanas a mudança" e o envio dos seus bens para [a mansão em] Mar-a-Lago [na Flórida] foi uma "operação semi-clandestina" por contrariar os desejos de Trump. Nos seus últimos dias, a ex-primeira-dama limitou-se a algumas palavras num vídeo gravado despedindo-se de forma rápida dos apoiantes do marido que estavam na base militar Andrews, em Maryland, antes de embarcar. "Ser a vossa primeira-dama foi a minha maior honra. Obrigada pelo vosso amor e apoio, vocês estarão sempre no meu pensamento e nas minhas orações", disse.

A VIDA LONGE DE TRUMP

Segundo uma reportagem recente da CNN, Melania Trump  é hoje uma mulher "feliz" nesta sua nova vida longe da Casa Branca. A viver num resort de luxo, a antiga primeira-dama está mais próxima do seu filho Barron, de 15 anos, e de seus pais, Viktor e Amalija Knavs, "que às vezes passam semanas em casa da filha". Já Trump continua a reunir-se com a sua equipa de colaboradores e a organizar festas e jantares de angariação de fundos para se voltar a candidatar. Melania mantém-se ausente e nunca mais apareceu ao lado do marido neste tipo de ações. Uma atitude que mostra bem o seu desagrado e a sua indisponibilidade para voltar a morar na Casa Branca.

A despedida de Trump e Melania da Casa Branca
Melania e Donald Trump
Melania e Donald Trump
Melania e Donald Trump
Melania e Donald Trump
Melania e Donald Trump
Melania e Donald Trump
Melania e Donald Trump
Melania e Donald Trump
Melania e Donald Trump
Melania e Donald Trump
Melania e Donald Trump
Melania e Donald Trump
Melania e Donald Trump
Melania e Donald Trump
Melania e Donald Trump
Melania e Donald Trump
Melania e Donald Trump
Melania e Donald Trump
Melania e Donald Trump
Melania e Donald Trump
Melania e Donald Trump
Melania e Donald Trump
Melania e Donald Trump
Melania e Donald Trump
Melania e Donald Trump
Melania e Donald Trump

"Ela não quer voltar a ser primeira-dama", disse uma fonte muito próxima de Melania Trump ao jornal britânico ‘Daily Mail’.  "Para ela, foi um capítulo que chegou ao fim e está definitivamente encerrado", reforça a mesma fonte. Já segundo várias pessoas ouvidas, por sua vez, pelo ‘The Mail on Sunday’ a antiga modelo eslovena "não acalenta nenhum desejo" em regressar à Casa Branca ou de voltar à ribalta e ser o centro das atenções, tal como aconteceu enquanto o marido foi presidente dos Estados Unidos da América. Os quatro anos de polémicas, manchetes, escândalos... deixaram-na à defesa e diz, aos mais próximos, que não está disposta a voltar a reviver tudo isto.

Esta posição determinada de Melania poderá vir a provocar uma forte tensão entre o ex-casal presidencial. Donald Trump sabe que precisa da figura elegante da mulher a seu lado para cativar mais votos.  "Se Donald Trump concorrer em 2024 e vencer, esse será o pior que pode acontecer a Melania. Para ela é um verdadeiro cenário de catástrofe", diz a mesma fonte. Uma reeleição do marido será o maior pesadelo de Melania Trump a tornar-se a realidade.

De acordo com um de seus porta-vozes, "Melania está focada em ser mãe e colocar sua família em primeiro lugar, enquanto trabalha em vários projetos que levarão tempo para serem finalizados". Uma coisa é certa, Melania Trump aparece cada vez na companhia do marido, Donald Trump. Será que os rumores de um iminente divórcio têm um fundamento de verdade? Só o tempo o dirá!

 

Vai gostar de

você vai gostar de...

Instagram

Instagram

Newsletter

Newsletter

Subscreva a newsletter e receba diariamente todas as noticias de forma confortável
Subscrever