'

Notícia

THE MAG - The weekly magazine by Flash!

Úrsula Corberó fez de Tokio de 'A Casa de Papel' “um animal selvagem cheio de potência e sensualidade”. E a força começou nos cabelos!

A atriz de 32 anos tinha uma ideia de quem estava a construir e passou por cima de todos para conseguir. No final, deixou a produção de queixo caído. Esta é a evolução de Tokio, musa e alma de 'A Casa de Papel'
09 de setembro de 2021 às 22:49
...
Úrsula Corberó Foto: Instagram

Úrsula Corberó conseguiu trazer à vida uma das personagens mais fortes de ‘La Casa de Papel’ com mudanças nos cabelos. Um corte 'bob' que valeu duas temporadas de sucesso, e outro corte 'mullet' para voltar a surpreender o público. Foi assim que nasceu Tokio.

A incrível mudança de Úrsula Corberó para se transformar em Tokio
Úrsula Corberó
Úrsula Corberó
Úrsula Corberó
Úrsula Corberó
Úrsula Corberó
Úrsula Corberó
Úrsula Corberó
Úrsula Corberó
Úrsula Corberó
Úrsula Corberó
Úrsula Corberó
Úrsula Corberó
Úrsula Corberó
Úrsula Corberó
Úrsula Corberó
Úrsula Corberó
Úrsula Corberó
Úrsula Corberó
Úrsula Corberó
Úrsula Corberó
Úrsula Corberó
Úrsula Corberó
Úrsula Corberó
Úrsula Corberó
Úrsula Corberó
Úrsula Corberó
Úrsula Corberó
Úrsula Corberó
Úrsula Corberó
Úrsula Corberó
Úrsula Corberó
Úrsula Corberó

Os penteados da atriz no maior sucesso espanhol da Netflix foram lutas suas, essenciais para abandonar o perfil angélico a que tinha habituado o público e deixar crescer Tokio. A inspiração foi a Mathilde de Natalie Portman, no filme ‘Léon, o Profissional’, de 1994. Como qualquer millennium, ela reuniu tantas fotografias quanto pôde e foi discutir com a produção de ‘A Casa de Papel’.

"Lutei muito por aquele corte de cabelo - é icónico - e também por mudá-lo na terceira temporada", disse a atriz em entrevista à ‘Vogue’, que passou de um cabelo médio, loiro, para o corte curto bob, em tons escuros. "Estava muito certa. E, além disso, sou leão, quando tenho algo à minha frente faço o que for preciso para convencer os outros. Eles disseram que seria demasiado", contou.

...
Natalie Portman e Úrsula Corberó Foto: DR

Insatisfeita com as sugestões da produção, que só queria mudar o tom do loiro para o castanho, Úrsula insistiu. "O cabelo ia ajudar-me muito. Tinha de ser muito dura e a mudança ia ajudar-me a entrar mais na personagem, a sentir-me um pouco mais forte. Precisava acentuar as minhas características para ser o mais perigosa possível. Queria apagar do público aquela imagem doce que tinham de mim".

"UMA LOBA SEM MEDO DE NADA"

A fórmula de sucesso deixou o produtor executivo da série, Jesús Colmenar, de queixo caído, destacando "a força" de Úrsula e "o seu carisma extraordinário". "Quando prende os olhos na câmara pode atravessar-te o peito e o coração. É um animal selvagem cheio de potência e sensualidade. É uma loba, sem medo de nada. Antes de ‘La Casa de Papel’ ninguém podia imaginar que ela podia colocar sobre os ombros todo o peso épico de uma super-heroína de ação. Mas quando a vi como Tokio soube que ia conseguir algo explosivo e inesquecível".

Hot! As curvas de Tokio, de 'La Casa de Papel'
La Casa de Papel, Úrsula Corberó, Tokio
La Casa de Papel, Úrsula Corberó, Tokio
La Casa de Papel, Úrsula Corberó, Tokio
La Casa de Papel, Úrsula Corberó, Tokio
La Casa de Papel, Úrsula Corberó, Tokio
La Casa de Papel, Úrsula Corberó, Tokio
La Casa de Papel, Úrsula Corberó, Tokio
La Casa de Papel, Úrsula Corberó, Tokio
La Casa de Papel, Úrsula Corberó, Tokio
La Casa de Papel, Úrsula Corberó, Tokio
La Casa de Papel, Úrsula Corberó, Tokio
La Casa de Papel, Úrsula Corberó, Tokio
La Casa de Papel, Úrsula Corberó, Tokio
La Casa de Papel, Úrsula Corberó, Tokio
La Casa de Papel, Úrsula Corberó, Tokio
La Casa de Papel, Úrsula Corberó, Tokio
La Casa de Papel, Úrsula Corberó, Tokio
La Casa de Papel, Úrsula Corberó, Tokio
La Casa de Papel, Úrsula Corberó, Tokio
La Casa de Papel, Úrsula Corberó, Tokio
La Casa de Papel, Úrsula Corberó, Tokio
La Casa de Papel, Úrsula Corberó, Tokio
La Casa de Papel, Úrsula Corberó, Tokio
La Casa de Papel, Úrsula Corberó, Tokio
La Casa de Papel, Úrsula Corberó, Tokio
La Casa de Papel, Úrsula Corberó, Tokio
La Casa de Papel, Úrsula Corberó, Tokio
La Casa de Papel, Úrsula Corberó, Tokio
La Casa de Papel, Úrsula Corberó, Tokio
La Casa de Papel, Úrsula Corberó, Tokio
La Casa de Papel, Úrsula Corberó, Tokio
La Casa de Papel, Úrsula Corberó, Tokio
La Casa de Papel, Úrsula Corberó, Tokio
La Casa de Papel, Úrsula Corberó, Tokio
La Casa de Papel, Úrsula Corberó, Tokio
La Casa de Papel, Úrsula Corberó, Tokio
La Casa de Papel, Úrsula Corberó, Tokio
La Casa de Papel, Úrsula Corberó, Tokio
La Casa de Papel, Úrsula Corberó, Tokio
La Casa de Papel, Úrsula Corberó, Tokio
La Casa de Papel, Úrsula Corberó, Tokio
La Casa de Papel, Úrsula Corberó, Tokio
La Casa de Papel, Úrsula Corberó, Tokio
La Casa de Papel, Úrsula Corberó, Tokio
La Casa de Papel, Úrsula Corberó, Tokio
La Casa de Papel, Úrsula Corberó, Tokio
La Casa de Papel, Úrsula Corberó, Tokio
La Casa de Papel, Úrsula Corberó, Tokio

Houve qualquer coisa que aconteceu com Úrsula também. Ao fim de quatro anos, cinco temporadas da série – esta última dividida em duas partes -, a atriz de 32 anos de idade falou nos resquícios que Tokio deixou em si. "Ajudou-me a descobrir a minha força. Antes, tinha uma certa vulnerabilidade que me fazia sentir que não era capaz de defender-me a mim mesma. Com Tokio percebi que a força não está nos braços, mas sim nas entranhas, nos olhos, no olhar, na forma como se dizem as coisas… há algo incrível e muito bonito nisto".

A carregar o vídeo ...
casa de papel t5p1

Vai gostar de

você vai gostar de...

Instagram

Instagram

Newsletter

Newsletter

Subscreva a newsletter e receba diariamente todas as noticias de forma confortável
Subscrever