- Lei Transparencia - Ficha técnica - Estatuto editorial - Contactos - A mensagem Nónio

Notícia

Polémica

João Moura reage à detenção por maus tratos a animais: "Não maltratei os meus cães"

O cavaleiro de Monforte diz-se de consciência tranquila, a aguardar pelos desenvolvimentos da investigação e nega ter maltratado os cães.
19 de fevereiro de 2020 às 20:18
João Moura reage à detenção por maus tratos a animais: "Não maltratei os meus cães" Foto: Cofina Media
João Moura reage à detenção por maus tratos a animais: "Não maltratei os meus cães" Foto: Cofina Media
João Moura reage à detenção por maus tratos a animais: "Não maltratei os meus cães" Foto: Cofina Media
João Moura reage à detenção por maus tratos a animais: "Não maltratei os meus cães" Foto: Cofina Media
João Moura reage à detenção por maus tratos a animais: "Não maltratei os meus cães" Foto: Cofina Media

Como a FLASH! avançou, o cavaleiro João Moura, 59 anos de idades, foi detido na manhã desta querta-feira, na sua casa em Monforte, distrito de Portalegre, por alegados maus tratos a animais, no seguimento de uma investigação da GNR.

Ouvido em interrogatório, o cavaleiro saiu com a medida de coação de termo de identidade e residência e já se encontra de regresso a casa. Durante a investigação foram-lhe apreendidos 18 cães de raça Galgo Inglês, de que é criador para a atividade de caça à lebre com galgos.

Ao final da tarde desta quarta-feira, o cavaleiro de Monforte prestou declarações ao 'Farpas' e desvalorizou a situação: 
"Fui detido para ser ouvido pela GNR em Monforte, não foi em Tribunal. Tinha lá uns cães mais magros e alguém denunciou isso, mais nada".

João Moura diz-se de consciência tranquila, a aguardar pelos desenvolvimentos e nega ter maltratado os animais: "Agora vão instruir o processo e vai seguir para a frente. Já prestei as minhas declarações e estou em casa tranquilo e com a consciência tranquila. Não matei ninguém, não roubei ninguém, não tratei mal os meus cães, alguns estavam magros, mas não os tratei mal!".

pub
pub